ARTISTAS KORG

Jack DeJohnette

Voltar

Jack DeJohnette é considerado um dos músicos de jazz mais influentes do século XX. Ele é um baterista, pianista e compositor icônico, que é capaz de se inspirar em todos os tipos de música além do jazz. Estudou piano clássico dos quatro aos quatorze anos, quando começou a tocar bateria. Em seus primeiros anos em Chicago, ele liderou seus próprios grupos e era requisitado como pianista e baterista. DeJohnette se juntou ao grupo de Miles Davis em 1968, onde trabalhou no álbum Bitches Brew, que é reconhecido como um dos maiores e mais influentes álbuns do jazz.

Sua carreira continuou acelerando e expandindo além de trabalhar com Miles Davis, gravando com a Columbia, Landmark, MCA / GRP e Toshiba / EMI / Blue Note, além de selos de ECM. Ele também trabalhou ao lado de outros artistas de jazz proeminentes como John Coltrane, Sonny Rollins, Bill Evans, Stan Getz, Keith Jarrett, Chet Baker, Lee Morgan, Herbie Hancock, Dave Holland, Freddie Hubbard, Abbey Lincoln e Betty Carter entre inúmeros outros.

Como um artista altamente reconhecido, Jack fez uma aparição no filme Blues Brothers 2000 como um membro do "Alligator Blues Band". Ele já trabalhou em vários álbuns nomeados ao Grammy, foi premiado com um Doutorado Honorário em Música da Berklee College of Music in Boston, e foi introduzido ao Hall of Fame da Sociedade de Artes de Percussão em 2010. Seu próprio álbum, Peace Time, ganhou o Grammy de Melhor Álbum de Nova Era em 2009.

Seu trabalho como artista solo e colaborador mudou a forma como o jazz é visto hoje. Em janeiro de 2012, DeJohnette foi homenageado como ganhador do Prêmio Nacional do Master de Jazz do Endowment for the Arts de 2012 - a maior honraria do país no jazz - por suas conquistas ao longo da carreira. Ele foi reconhecido por sua extraordinária contribuição para o avanço do jazz e por servir como mentor para uma nova geração de aspirantes a músicos.

Voltar